Feliz Páscoa com Tim Burton

    Stop motion: porque brincar de bonecas é muito mainstream

    Daí que eu fui assistir Frankenweenie com toda a minha boa vontade com o tio Burton, mas também com uns cinco pés atrás depois das últimas decepções que tive com ele (vide Sombras da Noite e Sweeney Todd). Resultado? Fiquei tão maravilhada em caçar referências que nem prestei tanta atenção assim na história!

    Stop motion: porque brincar de bonecas é muito mainstream

    Assim, sabe quando falam que é um filme pra crianças e adultos? É bem nessa mesmo, mas aí o adulto tem que entender um pouco de cinema. A história em si é bem básica e seria meio bobinha se não tivesse todo aquele climão do Burton.

    Não vou explicar aqui todas as referências que eu consegui achar no filme, porque, né, qual é a graça de não procurar pelos ovinhos na manhã de Páscoa? Mas vou citar alguns filmes pra ver se vocês também encontram. Aliás, não adianta procurar o Johnny Depp e a Helena Bohnam Carter porque dessa vez eles ficaram de fora. Bom filme e boa caça!

     

    • Frankenstein (1931)
    • A noiva de Frankenstein (1934)
    • Bambi (1942)
    • Os Pássaros (1963)
    • Daikaijû Gamera (1965) – se chutar o Godzila original eu também considero
    • Vincent (1982) – pelo menos duas referências bem gritantes
    • Gremlins (1984)
    • Edward Mãos de Tesoura (1990)
    • O Parque dos Dinossauros (1993)
    • O Estranho Mundo de Jack (1993)

    Compartilhe: